Um Tapinha não Dói!

https://i1.wp.com/www.humordaterra.com/wp-content/uploads/2010/07/leipalmadas600.jpg
Imagem

O que não faz uso da vara odeia seu filho, mas o que o ama, desde cedo o castiga.
(Provérbios 13:24)

Com a nova “Lei da Palmada”, acreditamos que a maior responsabilidade de educação das Crianças está sendo arrancada dos pais e sendo entregue nas mãos negligente do Estado.

Não queremos ser interpretados como violentos ou que sejamos a favor da covardia da violência contra a criança, (sou pai, nunca bati ou pretendo bater na minha filhinha, e não é por isso a amo, o meu sentimento é demonstrado no querer bem e no cuidado, mesmo que isto venha contraria-la ou ser incompreensível a esta) mas, o que questionamos aqui é a autonomia familiar e a autoridade dos pais sobre os filhos;

Eu lhe serei por pai, e ele me será por filho; e, se vier a transgredir, castigá-lo-ei com vara de homens, e com açoites de filhos de homens.
(2 Samuel 7:14)

De certo modo o Estado está invadindo a supremacia das famílias, e delegando ‘vantagens’ ao menor sobre o responsável, que consequentemente fará que muitos pais tornem-se reféns de seus filhos. Mexendo-se na autoridade do Pai sobre o filho, mexe-se em toda a estrutura social e compromete toda uma sociedade fundamentada na família; Deve-se coibir os excessos, os abusos, as arbitrariedades, porém, atar as mãos dos educadores domésticos em pró de uma incompetência de definição dos que se excedem nas palmadas, é muita, mas muita irresponsabilidade dos políticos, e de quem quer que seja seus idealizadores.

Castiga o teu filho enquanto há esperança, mas não deixes que o teu ânimo se exalte até o matar.
(Provérbios 19:18)

Pais que Amam, serão levados à tribunais por tentarem de modo desesperado dar uma mensagem àquele ser em formação que geraram… Filhos, Livres de seus Pais agressores, estarão sob a tutela de um “responsável que não ousará usar coibição contra aquela ‘criança violentada’ – já que, se não poupou nem o pai, avalie o designado responsável?! – o lar a partir de então, será mais um campo de batalha e uma zona de risco para toda uma sociedade que se rende aos pés de Leis infundadas e Utópicas que surgem daqueles que elegemos para o bem comum.

Sabes, pois, no teu coração que, como um homem castiga a seu filho, assim te castiga o SENHOR teu Deus.
(Deuteronômio 8:5)

A Partir do momento que a imagem paterna e materna forem sendo destruída da mente da criança no presente tempo, teremos no futuro, uma sociedade de igual modo arruinada por não mais possuírem os seus pilares e princípios construídos na família. a Educação que o estado tem a oferecer, não é mais que a Escola Pública do nosso bairro, ou a ressocialização das nossas unidades prisionais, e a mão tutora não poderá passar de seus agentes policiais e pessoas remuneradas que tratam com impessoalidade àqueles à quem prestam serviço ou ‘educação’. Os princípios se aprende em casa, ao modo da família.

Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele. (Provérbios 22:6)

http://livrepensar.files.wordpress.com/2010/07/blogue-palmada-delinquencia-juvenil.jpg
Imagem

Acreditamos que esta Lei, é mais uma Lei, para um Político que pretende de algum modo ser visto na sociedade… benefícios? não, interesses nada humanos por traz deste jugo que jogam sobre o seio da família.

Porque o Senhor corrige o que ama, E açoita a qualquer que recebe por filho. Castiga o teu filho, e te dará descanso; e dará delícias à tua alma.
( Hebreus 12:6)(Provérbios 29:17)
Anúncios
Esta publicação foi escrita por Gregório Júnior e publicada em agosto 13, 2010 às 4:06 am. Está arquivada em crítica, Devocional. Guarde o link permanente. Seguir quaisquer comentários aqui com o feed RSS para este post.

3 opiniões sobre “Um Tapinha não Dói!

  1. Já que é para protestar…Tem um abaixo assinado criado recentemente contra este projeto de lei:http://www.abaixoassinado.org/abaixoassinados/6564Como muita gente é desconfiada, dexa dizer que:Tem que informar 1 documento, mas o mais indicado é o título de eleitor ou o RG.O campo "CPF" é para deixar em branco.Abraço.

  2. Usar a Bíblia, como a usam de forma ignominiosa o tempo todo, para justificar "palmadas" é mais que uma heresia; é uma sandice.Eu saí de casa por causa da violencia de meu pai e nunca mais voltei.Passei fome, frio, sofri abusos, mas me reergui.Não graças à "educação" que meu pai me deu e, sim, graças à minha índole, que me permitiu me reerguer.Chega desta coisa de agredir crinaças sob o pretexto da educação.Aprndam a usar a força do argumento e não o argumento da força.COVARDES

  3. Seus Traumas não podem fundamentar uma lei desequilibrada… Lamentamos por seu pai ter sido violento com você na infância (o que de fato não foi nenhum pouco instrutivo), e violência nós recriminamos, o que não concordamos e protestamos, é a intromissão estatal na família. Os pais tem a obrigação de educar seus filhos, à sociedade não. O Uso progressivo da Força não é violência, mas uma forma cinestésica de impor limites à criança; passando de instrução e aderindo-se aos excessos, passa à qualidade de violência e isto não concordamos… Espero que seus traumas não o atrapalhe para a compreensão do óbvio.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: