A Síndrome de Lúcifer


Na multiplicação do teu comércio encheram o teu interior de violência, e pecaste; por isso te lancei, profanado, do monte de Deus, e te fiz perecer, ó querubim cobridor, do meio das pedras afogueadas. Elevou-se o teu coração por causa da tua formosura, corrompeste a tua sabedoria por causa do teu resplendor; por terra te lancei, diante dos reis te pus, para que olhem para ti. Pela multidão das tuas iniqüidades, pela injustiça do teu comércio profanaste os teus santuários; Como caíste desde o céu, ó estrela da manhã, filha da alva! Como foste cortado por terra, tu que debilitavas as nações! E tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu, acima das estrelas de Deus exaltarei o meu trono, e no monte da congregação me assentarei, aos lados do norte. Subirei sobre as alturas das nuvens, e serei semelhante ao Altíssimo. E contudo levado serás ao inferno, ao mais profundo do abismo.

(Ezequiel 28: 14~18; Isaías 14: 12~15).

Este texto, é comumente aceito como a explicação da origem do diabo, porém trata-se de uma hiperbole sobre Nabucodonosor, Rei da Babilônia (Is 14:4), usando corretamente este recurso literário, de forma a enfatizar o orgulho e as ambições daquele rei. O ser que antes era considerado o Portador da luz, mas comumente indentificado como Lúcifer (Halal – Heb.). Considerando não o peronagem, mas o que se critica em seu interior, podemos acharm semelhanças entre este e muitos “Pregadores Poderosos” de nossos dias. Coincidências à parte, vemos que no texto de Ezequiel, o Rei de Tiro (hoje Es-Sur, povoado Libanes), também fora repreendido e advertido por seu orgulho, chamado de Querubim Protetor e simbolo da Perfeição, mais uma vez vemos a hiperbole no texto sagrado, e este peronagem demonstra tanto orgulho dentro de si quanto o citado na Profecia de Isaías.

Não estamos chamando ninguém de Lucífer ou Satã, absolutamente, estamos fazendo uma analogia sobre o quanto SERVOS se cansam de servir, a agora desejam assumir O POSTO DO SEU SENHOR. Realmente o que nos levou a escrever este post fora a já esperada saída do Pr Silas Malafaia da CGADB, e algumas aitudes de outros “Pastores-star”, a exemplo de Marco Feliciano, que após meteórico crescimento no gosto popular, também quiz “elevar o seu trono”; não está sendo diferente com o nosso Pr. Silas. Após a Popularização, SECULARIZOU SUA PREGAÇÃO, e agora lança nova denominação, que ao que promete, seguirá a linha de todas as neopentecostais.

Se as Profecias de Isaias e Ezequiel referem-se ao Diabo, tenho minhas reservas, porém, em relação ao sentimento cultivao nos monarcas citados, podemos concluir que o maior perigo na vida de um líder é o orgulho, prepotência e arrogância. Desvincular-se da Posiçao de servoé uma atitude que merece um oráculo Divino, e por isso estamos deixando estes dois! Estes senhores que são verdadeiros Halal (portadores da luz), porém Elevou-se o coração por causa da formosura, corromperam a sabedoria por causa do resplendor. Temos que cultivar no meio da glória, a humildade, a temperança e o dominio próprio, senão nunca veremos a Deus.

Não estou condenando o Pr. silas Malafaia, Bispo Macedo, Bispo Waldomiro, Pr. Marco Feliciano e outros genéricos, mas estou alertando homens e mulheres de Deus a terem cuidado com a Sedução do Poder. Não deixe o coração se encher de violência, e venhas pecar, Nunca profane o seu santuário por este comércio injusto de Mamom! Não deseje o que não venhas suportar, ser semelhante a Deus nunca significou ser o Próprio Deus! Ser semelhante a Deus é seguir os passos de Cristo, Negando-se, humilhando-se e submentendo-se incondicionalmente a vontade de Deus. Quem quiser ser o maior no reino dos Céus, seja um João Batista! Proteste no deserto, contra o sistema político, religiosos e moral da Sociedade na qual você está inserido, para que todos conheçam e saibam a verdade.

Olhemos só para Jesus, que é o Autor e consumador de nossa Fé! (Hebreus 12:2)

Anúncios
Esta publicação foi escrita por Gregório Júnior e publicada em maio 16, 2010 às 12:33 pm. Está arquivada em Devocional, Ortodoxia. Guarde o link permanente. Seguir quaisquer comentários aqui com o feed RSS para este post.

Uma opinião sobre “A Síndrome de Lúcifer

  1. Graça e paz,adorei o post sobre Lúcifer…Queria q vc postasse algo sobre o verdadeiro sentido de servir a Deus, ou algo parecido com isso. Que envolva o chamado de Deus na vida de cada cristão.Obrigada desde já…Abraços!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: