Excomunhão – Retroceder SEMPRE, Render-se Jamais!

Imagem

Após a declaração da automatização do processo de excomunhão daqueles que praticam o aborto, a CNBB dá uma declaração afirmando que não houve excomunhão:

“Não temos elementos para dizer qual médico está excomungado e qual não está. Depende do grau de consciência de cada um”

disse ainda D. Dimas. Segundo o secretário-geral, estão excomungados somente os profissionais “conscientes e contumazes” na prática do aborto.

Durante entrevista coletiva, foi distribuído um documento sobre excomunhão, assinado pelo assessor canônico da CNBB, padre Enrique Pérez Pujol, que destaca o fato de que a punição não deve ser aplicada em meio a uma polêmica. A afirmação de D. José Cardoso Sobrinho sobre a excomunhão da mãe e dos profissionais envolvidos no aborto foi feita um dia depois da interrupção da gravidez. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo. (Cotidiano)

Anúncios
Esta publicação foi escrita por Gregório Júnior e publicada em março 15, 2009 às 6:10 pm. Está arquivada em Católica. Guarde o link permanente. Seguir quaisquer comentários aqui com o feed RSS para este post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: